terça-feira, 1 de dezembro de 2015

De volta em Dezembro


Agradeço os emails enviados. Eles são a resposta dos fãs interessados em compartilhar um pouco de tempo.

"Para o jornalismo brasileiro, é sempre um atentado resolver aquilo que se tem que resolver em favor daquilo que já está posto"

Antonio Marcos - 1981

Após essa reflexão e com o apoio de amigos próximos, estaremos de volta com novas postagens em Dezembro, após 6 anos no ar.

Aguardem e nos sigam Antonio Marcos no Facebook

Abraços



domingo, 18 de novembro de 2012

Espaço: Antonio Marcos cantando na TV (Programa 1)

Inauguro hoje, o Espaço: Antonio Marcos cantando na TV; onde procuraremos reunir a partir de arquivo pessoal, números que Toninho fez na Televisão

Hoje voltamos ao ano de 1983 onde ele estava divulgando o seu compacto simples "Apesar de te amar" gravado pela RCA Victor.

A música não chegou a emplacar apesar de ser muito boa e com o seu estilo romântico clássico.

A apresentação foi no Programa do Chacrinha, na Rede Globo.


video




Toninho e a EQM em 1991



Antonio Marcos no início dos anos noventa, teve uma experiência de EQM, que seria uma experiência de quase morte. Nesse video exibido no Fantástico em 1991, ele conta com detalhes o que ocorreu quando estava internado.


video

Arquivo Pessoal

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Mas quem afinal foi a Menina de Trança?



Nas mais tradicionais histórias de romance é sempre comum encontrar alguém que amou um outro alguém no passado e que já não está mais presente.
Isso já deve ter acontecido até com você que lê o texto nesse momento.

A Menina de Trança da música existiu.
Na juventude de Toninho quando ele tinha seus dezoito anos mais ou menos, morando e estudando em São Miguel Paulista começava a namorar a jovem Maria Aparecida, mais conhecida como Cidinha a menina de trança.
A moça era linda, cabelos lisos com castanhos relativamente loiros e rosto de boneca, carinhosa e cuidava bem dele.

Toninho depois de um tempo percebeu que estava apaixonado de verdade e o que era fato, estava com um compromisso sério pois foi o que percebeu, tinha uma namorada e andava de mãos dadas com ela, saiam com casais de amigos, posavam para fotos na antiga escola.

Uma parte dessa história foi o próprio Toninho que contou em entrevistas e para amigos.Há controvérsias para o fim do relacionamento que teve uma duração considerável.

Pessoas que conviveram com o casal naquela época dizem que ele começou a se ausentar do namoro e uma das histórias mais contadas seria a de que Toninho que na época participava de calouros em rádios e clubes (inclusive estava perto de conhecer os rapazes que formariam com ele o grupo Os Iguais) já começava a ter a sua turma de conhecidos e eventuais compromissos mesmo ainda não tendo gravado nada e ainda não sendo famoso.


Toninho começou a se atrasar para os encontros que marcava com Cidinha.
Uma vez teria acontecido de eles terem combinado nove horas da noite e ele chegar perto de uma da manhã.
O que se sabe de fato é que depois de Cidinha ter terminado o namoro com ele (que ficou arrasado com a decisão da moça) ela durante o passar dos anos ainda ter continuado apaixonada por ele.O primeiro amor ninguém esquece é ou não é?

O que se tem informação é que a música foi escrita mais ou menos na mesma época e gravada cinco anos depois na RCA Victor quando Toninho se preparava para o seu segundo LP (1970) e já começava a se tornar um cantor conhecido tendo emplacado o LP anterior.

A música fez tanto sucesso que foi gravada em Italiana (ele pouco e quase nada gravou em Italiano, detalhe) posteriormente após constar no LP, foi incluida também no compacto oficial de Amanda um ano depois.Foi incluida também em seus dois últimos discos (1987 e 1988)



Cidinha acabou casando e se tornando professora e Toninho encaminhou sua carreira na mesma época em que lançava a música entre outros sucessos que já havia conquistado.

Em em seus shows até o ano de sua morte sempre incluia esse grande sucesso em seu repertório e sempre dizia "essa música eu fiz em São Miguel quando eu namorava a Cidinha, a minha namorada"
Provavelmente ela mora ainda no bairro onde tudo aconteceu, pois lecionava aulas lá (foi vista pela última vez há mais de cinco anos) e estava bem diferente.

Uma história triste porém bonita que virou poesia nas mãos de Antonio Marcos.

Ouça aqui: http://www.youtube.com/watch?v=-iZbckSQs7E

Fotos de Arquivo Pessoal

Toninho em fotonovelas de 1972 e 1978























Quinta matéria postada. Datadas de 1972 e 1978. Ambas
são fotos principais de duas fotonovelas da Revista Sétimo
céu. Na primeira Toninho está com a ex esposa Vanusa e
na segunda com a ex esposa Débora Duarte.

Toninho em matéria de 1971




























Quarta matéria postada. Datada de 1971.
(Clique na imagem para aumentar
a proporção das letras)

Video do Blog em Homenagem ao Toninho

video

Essa foi uma pequena seleção de arquivo de imagens, a maioria delas inédita na Internet.
O intuito é reviver algumas passagens na TV do nosso Antonio Marcos nessa data em que
se completam 20 anos de sua ausência.

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Toninho em fotonovela de 1970

























Terceira matéria postada.Datada de 1970
Fotonovela, uma relíquia mas que era moda
na época (Clique na imagem para aumentar
a proporção das letras)

Toninho em matéria de 1969















Segunda matéria postada.Datada de 1969.
(Clique na imagem para aumentar
a proporção das letras)

Toninho em matéria de 1968

























Começando a linha de homenagens
ao nosso ídolo, essa foi a primeira
matéria postada.Datada de 1968.
(clique na imagem para aumentar
a proporção das letras)





domingo, 3 de outubro de 2010

Até desanima



Criar um BLOG é fácil...

O que é difícil é sustentá-lo, quando não se existem comentários recentes nos posts...de elogios ou sugestões...

Comecei a mexer com computador em 2003, porém, quando eu virei fã do Toninho...eu tinha 12 anos de idade...em 1996...quando minha mãe comprou um cd dele...e nem aparelho nós tinhamos funcionando...além desse cd, na minha época o único consolo de audio eram os discos (descobri a vitrola) ...video era uma única fita...e o texto, as revistas antigas e caras...hoje em dia isso mudou...pois fui formando minha coleção...de VIDEO, VINIL, CD, REVISTAS, FOTOS e objetos pessoais... e foi DIFÍCIL PACAS...só eu que sei...até humilhações eu passei as vezes pra conseguir um único pedaço de papel...

E disponibilizando aqui algumas coisas... está tudo mais fácil...pois sou um fã compartilhando algo com os outros fãs que também curtem Toninho...e ninguém aproveita...ou não se manifesta...é triste...e cansativo...

Não tinha blog...orkut...youtube...ou EMULE na minha época...

Estou PAUSANDO as postagens...até que os verdadeiros fãs se manifestem...isso é FATO

Esse blog reune material inédito e de arquivo pessoal...quem não gostar...pode ir acessar youtube...lá vocês encontrarão um tipo de video repetitivo e limitado...

Pensem...e reflitam...montar esse blog não foi brincadeira...a proposta era passar inovação e conteúdo inédito ou raro...assim como a comunidade no Orkut...que também anda bem abandonada...tudo isso foi feito para os fãs...e de graça...não é para mim...eu só vou manter em respeito a memória do meu ídolo e da família...que são pessoas maravilhosas

QUERO COMENTÁRIOS...ACESSOS JÁ TENHO...

Nem vou me dar ao trabalho de pescar alguma foto inédita nos meus cd's...ou revistas...vou colocar uma que foi tirada em São Miguel em 2007 na Casa de Cultura de São Miguel...um painel que foi montado pelo meu grande amigo Joãozinho (de são miguel) e que cooperei com as fotinhas scaneadas de meu arquivo pessoal (essa foto está no google)

Um abraço, até depois da pausa

moderador

segunda-feira, 5 de abril de 2010

18 anos sem Toninho

Olá amigos que acompanham o Blog, hoje é uma data que relembramos os dezoito anos da morte do Toninho, em homenagem a ele aqui vai um video dele de 1988 no Programa Zaccaro na Rede Bandeirantes, onde ele descontraído canta trecho de "Como vai você" (brincando com a letra inclusive) e declama um poema para o filho Pablo Marcos, na época pequeno com 3 anos e pouco de idade.

Saudades do mestre, abraços

Rafael Zapater
video

(Antonio Marcos e Maestro Zaccaro, arquivo pessoal, 1988)

domingo, 4 de outubro de 2009

Parabéns Toninho

Olá amigos que acompanham o blog, como comemoramos 5 anos de comunidade no Orkut no dia 29 de agosto passado e estando as vésperas do aniversário do Toninho (08/11), apresento um trecho de video onde no antigo programa "Festa Baile, ele é recebido com um parabéns surpresa em 1986 ao lado do cantor e amigo Agnaldo Rayol.
video

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Homenagem ao dia das mães




















Poema de Toninho para a mãe Dna Eunice em 1970:

Minha amiga
De tantos desencontros
Um encontro certo
Com tantas horas mortas
Um carinho perto
Meu peito aberto angustiado
E por motivos muitos, tão cansado
Conhece já nosso caminho cuidado
Sei bem das ruas
Me ensinaste tanto
Sei de sorrisos e também de pranto
Me deste a mão
Quando fiquei sozinho
Falaste tudo e eu acreditei
Abriste o tempo e eu então sonhei
Os rumos novos que agora sou
Dizer mais
Pra que, amiga minha?
Meu coração em tuas mãos se anima
Sou tão agradecido
Que talvez de mim já esquecido
Eu esteja vendo muito mais você, Mamãe

video

Toninho com Sergio Reis, 1987, arquivo pessoal

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Toninho ao vivo no Bar Inverno e Verão

video


Antonio Marcos era um artista que sabia fazer uma apresentação ao vivo não só pelo seu profissionalismo mas também por seu enorme carisma e bom gosto na escolha do repertório.

O sucesso de apresentações que fez no antigo Bar "Inverno e verão" em São Paulo, cantando seus clássicos como "O Homem de Nazaré e Como vai você" aconteceu no ano de 1991.


O sucesso foi tanto que ele chegava além de se apresentar nos dias de quinta e sábado, também fazer sessões extras na sextas feiras.O público pedia bis até de músicas que ele nunca lançou em seus discos como "meu bem querer" de Djavan, "trem das onze" de Adoniran Barbosa e "something" de George Harrison, essa última chegando a ser gravada mas nunca lançada.

Além de brincar e rir com o público ele também lia trechos de um livro de poemas de sua autoria que até hoje não foi publicado, um deles falava de São Paulo e Boemia.

No show tinhamos a presença de sua última namorada, Ana Paula e de suas filhas Amanda, Aretha e Paloma na platéia, prestigiando o show assim como o famoso cantor e amigo Jessé.

Nesse tópico temos trechos de uma apresentação (que não é a da foto) que passará uma idéia do momento que ele proporcionou aos fãs em seu penúltimo ano de vida cantando músicas de outros artistas nunca lançadas por ele em disco.

(Foto de 1991, arquivo pessoal)

(Toninho em uma das apresentações)